COMO DESFRUTAR UMA VIDA VITORIOSA?

Eu amo ver as pessoas alcançando o sucesso, e assim também é Deus.  Como o artista valoriza sua pintura, e o mestre artesão a qualidade do violino que criou, assim o nosso Criador valoriza os sonhos, os objetivos, a excelência da vida e a felicidade que você e eu estamos a desfrutar. Sucesso é ser feliz, e a felicidade é basicamente sentir-se bem a respeito de si mesmo, de sua vida e de seus planos; ou como dizem alguns amigos, “sucesso é alegria!”

Duas forças são vitais para a felicidade: nossos relacionamentos e nossas realizações. O evangelho tem duas forças: a pessoa de Jesus Cristo e os princípios que Ele ensinou. Veja, uma coisa é o Filho de Deus, outra, o sistema de Deus. Uma coisa é a vida de Deus, outra, a lei de Deus. Uma coisa é o rei, outra, o reino. Uma coisa é a experiência com Deus; outra, a sabedoria de Deus. Uma coisa é um relacionamento de coração, outra, um relacionamento da mente.

A salvação é experimentada instantaneamente, os princípios da sabedoria de Deus são apreendidos progressivamente. Ambos são absolutamente essenciais para o completo sucesso e felicidade. Você pode ser membro de uma igreja e ter uma experiência religiosa, mas, sem o conhecimento das leis de sucesso reveladas nas Escrituras, viverá contínuos períodos de frustração. A sabedoria de Deus é uma necessidade para as situações que surgem na vida diária. Você pode ser membro de uma igreja, ou até mesmo ser um cético, e ainda assim experimentar sucesso e realização social, financeira e familiar, por meio da simples aplicação das leis da vida, conforme orienta a Bíblia, mas sem a experiência com Jesus Cristo, o Filho de Deus, você sempre terá um grande sentimento de vazio e solidão, uma consciência de que algo está faltando em sua vida. A promoção no emprego, a construção de um império financeiro e a aceitação social só aumentarão e acentuaram esse vazio, em vez de preenchê-lo. Deus não criaria um mundo onde Ele não fosse necessário.

Temos a pessoa de Jesus e os princípios que Ele estabeleceu e ensinou. A combinação dessas duas forças é o caminho do vencedor. Oro para que lhe seja reveladas as condições necessárias para que você avance, e seja mais feliz do que jamais foi, é tempo de desfrutar, você merece e Deus reservou isso para você. Sucesso é a progressiva realização dos sonhos de Deus e a realização da vontade e dos planos do Pai para nós. É importante que tenhamos um sonho ou um propósito em nossa vida. José tinha um sonho e  Jesus tinha um propósito.

PRINCÍPIO DE SABEDORIA 1:
Uma vida produtiva não é obra do acaso.

Os nossos objetivos devem ser dirigidos pelo Senhor, Davi queria construir o templo, mas este seu desejo não era o de Deus; Salomão era o construtor escolhido por Deus. Algumas vezes nossos desejos são contraditórios aos planos de Deus. Como saber a diferença? Consultando o Pai. Por meio da leitura da Bíblia e do tempo dedicado à oração, descobriremos os planos de Deus, que geralmente são revelados passo a passo. Se você deseja algo persistentemente, provavelmente é uma indicação de que Deus quer você envolvido em tal projeto em particular, por exemplo, Deus escolheu Salomão para construir o templo, mas Davi preparou os materiais. Obviamente, devemos saber o que Deus deseja que façamos, antes de realizar tal coisa. Atente para os sinais. Ouça o Espírito. Avalie. Cultive a resposta imediata à voz de Deus. Evite o desperdício de tempo em sua vida. Concentre-se em seu relacionamento com Deus. Rejeite todas as reações e todos os comentários que reproduzam dúvida e derrota. Jesus não dispensou a mesma qualidade de tempo aos fariseus que dedicou à mulher samaritana. Ele discerniu o propósito de cada conversa, sabia se vinha de um coração faminto, ou se era apenas uma crítica. O vencedor conhece o poder das palavras.

PRINCÍPIO DE SABEDORIA 2:
Nunca fale palavras que façam satanás acreditar que ele está vencendo.

Recuse-se a liberar palavras de derrota, depressão e desânimo. Suas palavras são vida. Expresse esperança e confiança em Deus. Fique muito entusiasmado planejando o seu triunfo, e não haverá tempo para reclamar das perdas do passado. O vencedor espera oposição. Reconheça que a adversidade tem vantagens, ela revela a profundidade das amizades, ela o forçará a buscar informações mais precisas, ela o ajudará a decidir em que você realmente deve acreditar. O vencedor conta com sabedoria especial.

“E, se algum de vós tem falta de sabedoria, peça-a a Deus, que a todos dá liberalmente e não o lança em rosto; e ser-lhe-á dada.” (Tiago 1.5).

Sabedoria é a capacidade de interpretar uma situação aos olhos de Deus. Sabedoria é ver o que Deus vê. Entendimento e sabedoria são as chaves de ouro para vencer todas as batalhas da vida, você os adquire por meio do estudo da Palavra.

“A exposição das tuas palavras dá luz e dá entendimento aos símplices.” (Salmos 119.130).

PRINCÍPIO DE SABEDORIA 3:
A adversidade é o solo fértil para os milagres.

Os vencedores são diferentes da multidão. Nunca justifique o fracasso. Recuse-se a afundar na lama, colocando a culpa nos outros, procure a saída. A felicidade começa pelo que você ouve, sua mente é a sala de estar das circunstâncias do amanhã. Aquilo que se passa em sua mente será realidade, logo, o gerenciamento da mente é a primeira prioridade para um vencedor.

“Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai,” (Filipenses 4.8).

Os vencedores são apenas ex-perdedores que ficaram furiosos. Eles se cansaram do fracasso. O dia em que você ficar irado com o seu fracasso será o dia em que você começará a vencer. A vitória não começa ao seu redor, começa dentro de você. Marque o dia de hoje em seu calendário, declare que os mais felizes e produtivos dias da sua vida estão começando hoje! Nunca desista. Você pode estar a alguns minutos do seu milagre.

Quando você toma uma decisão, o sucesso é apenas uma questão de tempo.

PRINCÍPIO DE SABEDORIA 4:
Aqueles que não estão dispostos a perder, raramente perdem.

Crie um clima de confiança em todas as circunstâncias. Fale sobre suas expectativas de sucesso, e não sobre suas experiências de fracasso.

“A morte e a vida estão no poder da língua.” (Provérbios 18.21).

Reveja conquistas anteriores em sua mente, lembre -se de que sua suficiência vem de Deus.

“Não que sejamos capazes, por nós, de pensar alguma coisa, como de nós mesmos; mas a nossa capacidade vem de Deus.” (2 Coríntios 3.5).

“No qual temos ousadia e acesso com confiança, pela nossa fé nele.” (Efésios 3.12).

Sua posição de superioridade sobre as circunstâncias foi estabelecida quando você se tornou um filho de Deus.

“O mesmo Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus. E, se nós somos filhos, somos, logo, herdeiros também, herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo; se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados. Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou.” (Romanos 8.16,17,37).

Ajude outros a tornarem-se bem-sucedidos. Auxilie outros a descobrirem seus dons, talentos e sonhos. Você colhe aquilo que semeia. O apóstolo Paulo entendeu isso como a lei dos acontecimentos. Sabendo que cada um receberá do SENHOR todo o bem que fizer. (Efésios 6.8).

A vida muda quando as prioridades diárias mudam.

Valorize seu relacionamento com Deus. Reconheça o Senhor como o Abençoador. Ele nunca trará desvantagem a você. Seu relacionamento com Ele será sempre um trunfo. Deus deseja que você seja bem-sucedido.

O SENHOR […] ama a prosperidade do Seu servo (Salmos 35.27).

 

Bp. Isaias Pereira